O candidado do PSC à Presidência da República, pastor Everaldo Pereira, afirmou nesta terça-feira que, diante do megaescândalo de corrupção na Petrobras, a presidente Dilma Rousseff (PT) deveria renunciar ao cargo e à candidatura. Defensor da privatização da estatal, Everaldo disse que "hoje a Petrobras é foco de vergonha nacional". E disparou: "Dilma deveria renunciar à Presidência. A gestora que controla o País não pode deixar isso acontecer, e ela ainda dizer: `Eu não sabia de nada'. Nosso entendimento é que a atual presidente foi responsável por todo esse caos na Petrobras. Não dá para admitir que a cúpula de um partido esteja na cadeia e sejam tratados como heróis pela atual presidente, pelo partido e até pelo ex-presidente. Lamentavelmente, ela deveria sair e agora. É a minha opinião".

VideVersus