O Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (14) publicou as promoções de 1.797 servidores da Brigada Militar (BM), Corpo de Bombeiros Militar (CBM-RS), Instituto-Geral de Perícias (IGP) e Polícia Civil. A lista abrange, ainda, 783 nomes da Secretaria da Administração Penitenciária (Seapen) e Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe).

As promoções das forças de segurança haviam sido anunciadas em abril pelo governador Eduardo Leite e pelo vice-governador Ranolfo Vieira Júnior, que também exerce o cargo de titular da Secretaria da Segurança Pública (SSP-RS).

Em um vídeo gravado no Dia das Polícias Militar e Civil (21 de abril), o chefe do Executivo falava sobre o esforço do governo do Estado para honrar a valorização da polícia gaúcha. Foi quando antecipou que, dali em breve, as promoções seriam efetivadas.

Agora foi a vez de seu vice, junto com o coronel Marcelo Gomes Frota, secretário-adjunto da pasta da segurança, aparecer em um novo vídeo, no qual parabenizou os profissionais promovidos. Ele garantiu que, já nos próximos dias, representantes de entidades de classe da autarquia serão recebidos pelo governo para dialogar sobre pautas da categoria.

Participaram do evento, ainda, o comandante-geral da BM, coronel Vanius Santarosa, o comandante-geral do CBM-RS, coronel César Eduardo Bonfanti, a diretora-geral do IGP, perita criminal Heloísa Helena Kuser, e a chefe de Polícia Civil, delegada Nadine Anflor. Outra presença foi a do diretor-adjunto do Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (Detran-RS), Marcelo Soletti.

Os pedidos das promoções passaram pela análise do Grupo de Assessoramento Especial (GAE) e, após a conclusão dos estudos orçamentários, foram autorizados no fim da tarde de quinta-feira (13). A lista completa dos servidores promovidos pode ser conferida no Diário Oficial do Estado, cujo link está disponível no site oficial rs.gov.br.

Cursos de carreira

O governo gaúcho também autorizou, nesta sexta-feira, a abertura de cursos de carreira para a Brigada Militar e Corpo de Bombeiros, avançando mais um passo na valorização dessas tropas.

Os editais com detalhamento de vagas, inscrições e seleção de candidatos serão publicados ainda nesta sexta-feira nas redes das corporações.

Ao todo, serão 2.452 vagas entre o Curso Técnico de Segurança Pública (CTSP), sendo um curso superior de Tecnologia em Gerenciamento Auxiliar de Polícia Militar, que permite o avanço do posto de soldado para a graduação de segundo-sargento, e o Curso Básico de Administração Policial Militar (CBAPM), correspondente à graduação no curso superior em Tecnologia em Gerenciamento de Polícia Militar, que oportuniza a passagem da graduação de primeiro-sargento para o posto de primeiro-tenente.

(Marcello Campos) osul