BlogdoAlaides.com.br

Especial: o fim da Era D’Alessandro no Inter

GZH

D’Alessandro disputará sua última partida com a camisa do Inter neste sábado (19), contra o Palmeiras. Para marcar o fim do ciclo, GZH preparou uma série de matérias especiais que ajudam a contar a trajetória de um dos maiores ídolos da história do Beira-Rio. Clique nos links abaixo e confira cada uma das histórias:

Mauro Vieira
Meia foi contratado em 2008, junto ao San LorenzoMauro Vieira

O início

Ex-presidente do Inter, Fernando Carvalho conta como foi feita a contratação do meia argentino em 2008. Logo em seu primeiro ano, ele conquista o título da Copa Sul-Americana.

Diego Vara, Especial
D’Alessandro estreou em um clássico contra o GrêmioDiego Vara, Especial

Os Gre-Nais

A estreia com a camisa colorada se dá em um Gre-Nal e é no maior clássico gaúcho que o argentino forja sua idolatria junto à torcida.

Mauricio Lima, AFP
D’Alessandro ajudou o Inter a conquistar grandes títulosMauricio Lima, AFP

As grandes atuações

Em meio às 12 temporadas que atuou no Inter, D’Alessandro brindou os torcedores colorados com atuações memoráveis, levando o time a conquistas estaduais e continentais. Recorde os 10 melhores jogos do ídolo colorado.

Bruno Alencastro / Agencia RBS
Argentino marcou gols importantes pelo InterBruno Alencastro / Agencia RBS

Os gols

Ao longo de sua carreira, D’Alessandro nunca foi um artilheiro. Mesmo estando mais acostumado a deixar os companheiros na cara do gol, o argentino não deixou de balançar as redes adversárias. Escute os 10 gols mais importantes da passagem do jogador por Porto Alegre.

Mateus Bruxel / Agencia RBS
Muitos treinadores comandaram D’Alessandro no InterMateus Bruxel / Agencia RBS

Os técnicos

Diante de tanto tempo de Inter seria natural que o ídolo colorado tivesse inúmeros treinadores. Saiba quais foram os técnicos que comandaram D’Alessandro nestes 12 anos.

Félix Zucco / Agencia RBS
Após um ano no River Plate, ídolo colorado retornou ao clube em 2017Félix Zucco / Agencia RBS

Os últimos anos

Após uma breve passagem pelo River Plate, clube que o lançou na Argentina, o camisa 10 retorna ao Beira-Rio no momento mais sofrido do Inter: a disputa da Série B. Desde então, foram mais quatro temporadas com a camisa vermelha. Relembre como foi a reta final do argentino.

Anteriores

Polícia Civil de Três Passos realiza Natal solidário

Próximo

Governo entrega medalhas por atos de bravura a cinco policiais civis

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén

%d blogueiros gostam disto: