“Sabemos que tem críticas e tem elogios, mas a nossa consciência é do dever cumprido em favor da comunidade e que se fez o melhor dentro das condições existentes”.

Os prefeitos eleitos em 2016 chegaram à metade de seus mandatos. É momento de fazer autoavaliação dos dois anos de governo, de refletir, manter e aperfeiçoar os acertos e corrigir os erros, mas também, rever as metas traçadas e que lhes renderam o voto de confiança, e tentar realizar o que ainda não foi feito.

 

 

Para falar sobre seus dois primeiros anos de mandato, o prefeito Marino Krewer (PP), de São Martinho, concedeu a seguinte entrevista:

– Como avalia os primeiros dois anos de seu governo, considerando as metas traçadas no seu plano de governo?

           Em nossa administração Marino/Tanaka, nos dois primeiros anos, fomos felizes, tivemos êxitos nas ações levadas a efeito em 2017 quando assumimos. Trabalhamos, inicialmente, com apenas três secretarias, Administração, Agricultura e Saúde; as demais pastas e setores a gente abraçava, eu como prefeito ou o meu vice-prefeito Tanaka, nós trabalhávamos em conjunto com todos os colaboradores da Administração; fizemos um decreto de contenção de despesas, onde economizamos em torno de R$ 408.000,00 só em folha de pagamento, em relação a outros mandatários. Com essa economia conseguimos comprar um rolo compactador no valor de R$ 330 mil, com recursos próprios. Também foi comprada uma ambulância de R$ 189.000,00, onde a Câmara Municipal de Vereadores deu 1/10 do valor da Câmara, de R$ 155.000,00, e o município ajudou com R$ 34.000,00. Então, essas foram as conquistas dos primeiros meses, referente à economia que o município fez. No mais, desde o início, sempre se tentou mostrar transparência dos atos administrativos à comunidade.

No final de 2017, na virada para 2018, ampliamos praticamente três salas da nossa UBS, que é o posto de saúde. Compramos um carro para a Assistência Social, no valor de R$ 40.700,00, onde pegamos um valor do fundo do recurso federal de R$ 25.000,00 e restante com recursos próprios. Esse veículo auxilia também ao CRAS e ao Conselho Tutelar para melhor atender a comunidade. Ainda no final de 2017, início de 2018 conseguimos encaixar uma retroescavadeira da bancada gaúcha, onde veio beneficiar nossa agricultura. Com uma emenda da Ana Amélia Lemos, compramos uma retroescavadeira de praticamente R$ 200 mil, em que a emenda foi de R$ 150.000,00 e a contrapartida de R$ 50 mil do município. Também compramos vários equipamentos para a patrulha agrícola, que foi uma emenda parlamentar do deputado Covatti Filho. É muito difícil contar com algum recurso do governo federal. Então, muitas vezes, quando se consegue, tem que agradecer a esses deputados que nos ajudam.

Conseguimos, através do deputado Jerônimo Goergen, uma emenda de R$ 250 mil para construção de um pavilhão para a ASSIMUSAM, obra em andamento; compramos um automóvel Gol, através de uma emenda do deputado Covatti Filho, de R$ 100 mil para a saúde; e o restante foi investido em equipamento. Conseguimos, através de uma emenda de R$ 200 mil do deputado Pompeo de Mattos, comprar um aparelho de raio X e um aparelho de ultrassonografia destinados para o Hospital São Gregório. No ano passado, 2018, destinamos mensalmente ao hospital um aporte financeiro de R$ 37.500,00, o equivalente a R$ 450 mil durante o ano, além do que no final do ano destinamos mais R$ 60 mil ao hospital. E, hoje, assinamos um convênio, o projeto vai para a sessão no dia de hoje, dia 04 de fevereiro, onde aportamos um valor de R$ 552.000,00. Isso é um aporte que dá pro hospital manter os plantões, e o restante para ajudar na manutenção do hospital. Quero parabenizar o Hospital São Gregório, é impressionante, você deve escutar muita reclamação dos hospitais da Região, e graças a Deus o nosso hospital está em dia, a folha de pagamento em dia, até cobrei do diretor hoje, onde que nós temos que parabenizar os médicos de nossa cidade, que são um dos poucos hospitais em que o plantonista do hospital dorme dentro do hospital. São poucos que conseguem fazer isso, e não é mérito da administração Marino/Tanaka sozinho, mas sim da colaboração dos médicos, do nosso chefe, que é o doutor Gabriel, e da direção do hospital. Então, a gente tem sempre que frisar que as coisas boas acontecem, mas não é só a administração que faz, é uma parceria em convênio com a administração, com o hospital. Então, é um elogio que quero dar.

Também conseguimos, ano passado, fazer a ampliação de duas salas de aula, com recursos próprios, na Escola Michels, onde foram feitas duas salas para aumentar o espaço físico e também terminamos o ginásio de esportes, colocamos parede, piso e a iluminação. O ginásio municipal do colégio foi todo ele reestruturado e está muito bonito.

A creche Tia Mercedes e a escola Michels, com o apoio e a parceria dos CPMs que são muito atuantes, as direções, receberam melhorias. Foi um trabalho em parceria entre as escolas, CPMs, em harmonia e sob a coordenação da secretária Lieda. Sou de opinião que nenhum setor funciona sem uma grande parceria com a administração e com as escolas.

No interior do município, estamos concluindo três redes de água, a de Santa Lúcia (já concluída), a da Linha Follmann e Linha Waechter, estão em andamento. Também concluímos uma rede de água juntamente com a comunidade da Linha Flor da Serra, beneficiando praticamente 32 famílias. Era uma das nossas prioridades instalar redes de água potável no interior.

Concluímos o Centro de Convivência para Idosos, no centro da cidade, que já foi inaugurado; fizemos asfalto na Rua Arnoldo Reimann com Emílio Pruvels, com recursos de uma emenda do deputado Tarcísio Perondi e participação da comunidade; também concluímos no ano de 2018 um calçamento, também de emenda do deputado Perondi, na Linha Blasi. São ações que a nossa administração desenvolveu nesses dois anos, e vai continuar fazendo.

Tivemos, em 2017, uma enchente, onde atingiu todos os municípios da Região, e fomos obrigados a refazermos 11 pontes de acesso e divisa de nosso município tanto com São Valério quanto com Sede Nova. A de Linha Follmann fizemos em parceria com o município de Sede Nova; das quatro na divisa com São Valério do Sul, num acordo com aquele município, cada um fez duas, sendo que a que liga São Sebastião com São Valério vai ser feita de concreto, com recurso da Defesa Civil, no valor de R$ 362 mil; as outras foram refeitas de madeira e com recursos próprios do município; muitos pontilhões e bueiros danificados com a enchente também foram reparados ou refeitos adequadas à demanda dos agricultores no interior. Com recursos oriundos de emenda do deputado Jerônimo, está sendo pavimentada a Rua Arcênio Rodrigues.

Não posso deixar de agradecer a Câmara de Vereadores pela grande parceria, onde, no final de 2018 e no início de 2019, em parceria, colocamos duas academias ao ar livre, contemplando dois bairros da cidade.

– Avaliação positiva

Tentamos cumprir com as metas planejadas e fazer o melhor. Sabemos que tem críticas e tem elogios, mas a nossa consciência é do dever cumprido em favor da comunidade e que se fez o melhor dentro das condições existentes. Portanto, a nossa avaliação é positiva, sem dúvida. Do orçamento anual, o município usa 47% para a folha de pagamento do funcionalismo; 25% para a educação; na saúde a nossa obrigação é gastar 15%, gastamos 22% em 2017 e 21% em 2018.

 

– Quais as perspectivas de seu governo, para o município de São Martinho, 2019?

Eu estou indo hoje (04/02), a Porto Alegre, onde tenho uma reunião com o Badesul, estou levando a conclusão do projeto em torno de R$ 1.300.000,00 junto à instituição, onde parte, cerca de R$ 650 mil, será destinada a infraestrutura no Bairro Friske, para construção de casas populares e pavimentação (calçamento) de ruas, cordão, passeio e saneamento básico. A outra parte, R$ 650 mil, será usada em asfalto de ruas na cidade.

Temos um projeto para revitalizar a praça Valentim Klein, uma prioridade do meu mandato. A praça foi construída em 1978, e nunca recebeu uma melhoria. Está no nosso plano de governo e nós vamos cumprir. Neste ano de 2019 nós vamos trabalhar muito em torno disso, buscar recurso federal e fazer a mudança.

Também licitamos na semana passada em torno de 1.000 toneladas de asfalto a frio para podermos fazer um tapa-buraco na nossa cidade. Tem muito calçamento danificado e a gente está fazendo isso. Vai ser uma prioridade nós embelezarmos também a nossa cidade, que é a cidade das flores, e vamos investir nessa parte, nessa finalidade de atender a nossa cidade que precisa e é uma cidade muito bonita, com uma situação geográfica maravilhosa e nós temos que usar isso. Então, é um trabalho que estamos fazendo com a nossa equipe, juntamente com o vice-prefeito, para atender um anseio da nossa comunidade, a fim de poder melhor a qualidade de vida dos nossos munícipes.
– Mais algumas considerações prefeito?

            Quero agradecer ao funcionalismo público, aos quais conseguimos, no ano de 2017 para 2018, dar aumento de 3,5% e, neste ano de 2018 para 2019, 4%; na Região Celeiro, praticamente nenhum município pode dar mais que isso; pagamos o 13º em dia; a folha de pagamento está em dia.

Está previsto para esta semana o desembarque em São Martinho de uma giratória, uma máquina para atender a agricultura no município; é uma escavadeira de porte grande, conseguida com a ajuda do deputado Ronaldo Nogueira, do PTB, que nos agraciou com essa emenda, e está chegando. Vai ser muito útil e a nossa comunidade eu tenho certeza que espera por isso. Também para 2019 estamos articulando com a ACI, com o sindicato, com a Emater, com a Agricultura, juntamente com a administração, a realização da feira de 2019. Então, também é uma prioridade nossa para mostrar para a Região o que São Martinho produz e o que podemos ajudar a Região em termos de trabalho, divulgando os nossos parceiros, nossos administradores, que são as nossas empresas locais. A gente quer fazer um trabalho de divulgação também a respeito disso.

Para este mês começaremos o campeonato de futsal, juntamente com a nossa equipe da escolinha do professor Sapo, o Luiz Fernando, onde nós vamos fazer um campeonato de veteranos, feminino, vôlei misto, livre, veterano e feminino livre também. Tem quatro categorias, juntamente com a escolinha que vai tentar embelezar ainda mais com a gurizada que hoje a escolinha vinculada ao Poder Público, criada logo após termos assumido, uma vez que até então não tinha uma escolinha municipal, mas tinha uma escolinha particular, que foi transformada. Hoje, a escolinha conta, sob a coordenação do professor Luiz Fernando (Sapo), em torno de 170 crianças que são atendidas gratuitamente todo dia através desse projeto que nós temos. Em torno de 130 ou 140 guris, e 35 ou 40 meninas que fazem parte desse projeto. Então, é uma parte social que a gente está preocupado e estamos conseguindo fazer.

Temos várias coisas em andamento. Tenho certeza que a comunidade enxerga o que está acontecendo e queremos trabalhar esses dois anos também mostrando essa mesma transparência que nós passamos nesses dois primeiros anos. Estou feliz por poder ter feito alguma coisa pelo nosso município e a comunidade que vai julgar o nosso trabalho no final dos quatro anos.

Agradeço a todas as pessoas que, de uma ou outra forma se empenharam para a nossa administração ser o que é hoje, sempre frisando que todos os secretários foram importantes no nosso mandato e todos os colaboradores, todos os colegas de serviço, desde o varredor de rua até o prefeito, até o médico, todos são colegas de serviço e a gente respeita todos e é nessa linha que a gente quer trabalhar nos