Elevação nos salários esta apta a ir a votação até a segunda-feira (22).

Proposta prevê reajuste de até 74% para vice-governador e secretários.

 

Do G1 RS

Uma reunião de líderes de bancadas da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul definiu nesta segunda-feira (15) que está apto para votação ainda em 2014 um projeto que aumenta os subídios mensais para o governador, vice, secretários e deputados estaduais. O reajuste salarial e outras 56 matérias poderão ser apreciados até a próxima segunda-feira (22), antes do início do recesso parlamentar, informou a Casa.

De acordo com o texto, caso a medida seja aprovada, o salário do governador saltaria dos atuais R$ 17,3 mil para R$ 26,9 mil, um aumento de 55,30%. Vice-governadores e secretários, que recebem R$ 11,5 mil poderão ganhar R$ 20,2 mil, um reajuste de 74,71%. Jáo subsídio dos deputados saltaria de R$ 20 mil para 26,9 mil, um aumento de 34,70%.

O recesso parlamentar começa no dia 23 deste mês. Do total de projetos aptos para votação, 35 são de origem parlamentar, três da Mesa Diretora, duas do Judiciário e 17 do Executivo, sendo que 12 deles já estão trancando a pauta de votações e, por isso, precisam ser apreciadas antes das demais.