Na tarde do último domingo (15), na localidade de Passo da Lage, interior do município de Santo Augusto, uma adolescente reuniu amigos e colegas de escola para festejar seus 15 anos, em sua residência. Vários adolescentes, meninos e meninas, participavam da animada festa de aniversário.

Em meio a diversão, alguém teve a ideia de irem tomar banho e brincar na água junto a uma cachoeira nos fundos da propriedade dos pais da jovem. Mas a fatalidade lhes acompanhou, o que era uma festa, abruptamente se transformou numa tragédia, onde a adolescente Lisiane Schmidt, 14 anos, e o irmão da aniversariante, Leonardo Camargo de Mello, 17 anos, foram tragados pela água da cachoeira e morreram afogados.

Segundo familiares da vítima Leonardo, quando ele viu que Lisiane estava se afogando procurou socorrê-la, mas acabou também sendo levado para o fundo do manancial, onde ficaram prensados em pedras e galhos.

Leonardo foi localizado pelos bombeiros preso em galhos de árvores, enquanto que Lisiane estava presa a pedras numa profundidade de aproximadamente quatro metros. Familiares dizem que eles não sabiam nadar.

Os corpos foram autopsiados pelo médico legista do Posto do Departamento Médico Legal de Três Passos.

Leonardo, tinha 17 anos, era filho de Adejalmir Camargo de Mello e de Rosemeri Maria de Mello, e residia com os pais, na localidade de Passo da Lage; Lisiane, tinha 14 anos, era filha de Arzedo Schmidt e Noemi Ribeiro Guilherme, e residia com os pais na localidade de Esquina Boa Vista.

A tragédia, ceifando a vida de dois adolescentes, causou comoção nas comunidades onde as vítimas moravam, bem como junto aos colegas e professores da Escola Antônio João, onde ambos estudavam, e na população como um todo. A Secretária Municipal da Educação, Ana Paula da Rosa Reis, determinou a suspensão das aulas na segunda-feira na escola onde as vítimas estudavam.