É muito provável que os seis partidos que mandaram seus representantes ao almoço desta segunda-feira em restaurante no bairro Moinhos de Vento, em Porto Alegre, coliguem-se em torno da candidatura do deputado federal Vieira da Cunha em 2014 para o governo do Estado. Estiveram no restaurante representantes do PDT, PSB, PRB, PSD, DEM e PPS. O deputado federal Vieira da Cunha disse aos representantes dos demais partidos que depois da última das 38 reuniões de Coordenadorias Regionais, 36 terão optado por candidatura própria, o que forçará o PDT a sair imediatamente do governo do peremptório petista Tarso Genro. Na reunião, esteve presente também o candidato trabalhista ao Senado, o jornalista Lasier Martins, já tornado comensal habitual dos maiores nomes da política gaúcha. O PDT do Rio Grande do Sul poderá desembarcar também da candidatura Dilma Roussef, apoiando o socialista Eduardo Campos, caso o partido abandone o projeto nacional do PT, como é esperado.